Noticias

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6
  • 7
  • 8
  • 9
  • 10
  • 11
  • 12
  • 13
  • 14
  • 15
  • 16
  • 17
  • 18
  • 19
  • 20
  • 21
  • 22
  • 23
  • 24
  • 25
  • 26
  • 27
  • 28
  • 29
  • 30
  • 31
  • 32
  • 33
  • 34
  • 35
  • 36
  • 37
  • 38
  • 39
  • 40
  • 41
  • 42
  • 43
  • 44
  • 45
  • 46
  • 47
  • 48
  • 49
  • 50
  • 51
  • 52
  • 53
  • 54
  • 55
  • 56
  • 57
  • 58
  • 59
  • 60
  • 61
  • 62
  • 63
  • 64
  • 65
  • 66
  • 67
  • 68
  • 69
  • 70
  • 71
  • 72
  • 73
  • 74
  • 75
  • 76
  • 77
  • 78
  • 79
  • 80
  • 81
  • 82
  • 83
  • 84
  • 85
  • 86
  • 87
  • 88
  • 89
  • 90
  • 91
  • 92
  • 93
  • 94
  • 95
  • 96
  • 97
  • 98
  • 99
  • 100
  • 101
  • 102
  • 103
  • 104
  • 105
  • 106
  • 107
  • 108
  • 109
  • 110
  • 111
  • 112
  • 113
  • 114
  • 115
  • 116
  • 117
  • 118
  • 119
  • 120
  • 121
  • 122
  • 123
  • 124
  • 125
  • 126
  • 127
  • 128
  • 129
  • 130
  • 131
  • 132
  • 133
  • 134
  • 135
  • 136
  • 137
  • 138
  • 139
  • 140
  • 141
  • 142
  • 143
  • 144
  • 145
  • 146
  • 147
  • 148
  • 149
  • 150
  • 151
  • 152
  • 153
  • 154
  • 155
  • 156
  • 157
  • 158
  • 159
  • 160
  • 161
  • 162
  • 163
  • 164
  • 165
  • 166
  • 167
  • 168
  • 169
  • 170
  • 171
  • 172
  • 173
  • 174
  • 175
  • 176
  • 177
  • 178
  • 179
  • 180
  • 181
  • 182
  • 183
  • 184
  • 185
  • 186
  • 187
  • 188
  • 189
  • 190
  • 191
  • 192
  • 193
  • 194
  • 195
  • 196
  • 197
  • 198
  • 199
  • 200
  • 201
  • 202
  • 203
  • 204
  • 205
  • 206
  • 207
  • 208
  • 209
  • 210
  • 211
  • 212
  • 213
  • 214
  • 215
  • 216
  • 217
  • 218
  • 219
  • 220
  • 221
  • 222
  • 223
  • 224
  • 225
  • 226
  • 227
  • 228
  • 229
  • 230
  • 231
  • 232
  • 233
  • 234
  • 235
  • 236
  • 237
  • 238
  • 239
  • 240
  • 241
  • 242
  • 243
  • 244
  • 245
  • 246
  • 247
  • 248
  • 249
  • 250
  • 251
  • 252
  • 253
  • 254
  • 255
  • 256
  • 257
  • 258
  • 259
  • 260
  • 261
  • 262
  • 263
  • 264
  • 265
  • 266
  • 267
  • 268
  • 269
  • 270
  • 271
  • 272
  • 273
  • 274
  • 275
  • 276
  • 277
  • 278
  • 279
  • 280
  • 281
  • 282
  • 283
  • 284
  • 285
  • 286
  • 287
  • 288
  • 289
  • 290
  • 291
  • 292
  • 293
  • 294
  • 295
  • 296
  • 297

Acesse a Cartilha de Combate ao Racismo no site da Adufes

Você saberia o que fazer se fosse vítima de crime de racismo ou injúria racial? O material lançado recentemente pela Adufes durante o Dia Nacional de Luta contra o racismo nas Instituições de Ensino Superior orienta como agir nesses casos. 

A Cartilha foi apresentada ao público pelo professor Iguatemi Rangel (departamento de Linguagens, Cultura e Educação), que integra o Grupo de Trabalho de Políticas de Classe, Étnicorracias, Gênero e Diversidade Sexual (GTPECGDS) do sindicato. Roda de conversa, exposição, apresentação cultural e comida de terreiro fizeram parte do lançamento da publicação durante a semana da Consciência Negra. 

“Para ampliar o debate e o enfrentamento ao racismo estrutural na sociedade e nos espaços de aprendizagem, é que lançamos esse material”, disse o professor Iguatemi. Ele explicou que a publicação soma-se as estratégias de enfrentamento às opressões nas universidades, nos Institutos (IF) e nos centros Federais de Educação Tecnológica (CEFET).

A edição aborda temas como a construção do racismo na sociedade brasileira, a centralidade do feminismo negro na luta antirracista, a lei de cotas e as comissões de heteroidentificação. O texto foi elaborado pelo GTPECGDS do Sindicato Nacional (Andes-SN). Leia aqui o material na íntegra.

Consciência Negra. Para marcar o lançamento da cartilha de combate ao racismo, a Adufes realizou no mês de novembro a exposição “Oretratista/Primavera Secundarista”, de Nicolas Soares e, “Vida Capital”, de Luciano Feijão.  

O Coral Serenata, uma das atrações do lançamento, emocionou e encantou a todos e todas durante a apresentação na sede do sindicato.  No grupo, cantaram crianças de dois anos a adolescentes, sob a regência da professora Luciene Prate.  O Serenata entoou canções de Sandra de Sá, Marisa Monte, Tim Maia e Roupa Nova.

Roda de Conversa. O professor Weber Lopes Góes, da Faculdade da Mauá (FAMA), discutiu sobre “racismo e pensamento conservador”. Ele, que tem se debruçado nos estudos sobre as bases ideológicas do racismo, considera que a burguesia brasileira já nasce conservadora e violenta. “E essa burguesia lacaia se utiliza do racismo estrutural para se beneficiar”, disse. Weber explicou que os africanos sempre ameaçaram a ordem escravocrata, e constituíram quilombos e insurreições que tinham o objetivo de mudar a estrutura da sociedade.

“A Lei de Terras, por exemplo, contribuiu para manter a concentração fundiária ao mesmo tempo em que se buscou dificultar o acesso à terra por parte dos negros”, destacou o professor, lembrando que o racismo busca supervalorizar alguns grupos. “Criminaliza o negro, diz que tudo o que ele faz é pecado e imoral; naturalizando as desigualdades sociais”. A professora Maria Helena Elpídio, do departamento de Serviço Social, intermediou a roda de conversa.

Grupo OGÓ. A apresentação buscou promover vivências da cultura negra e reflexões sobre a inserção dos/as negros/as na sociedade brasileira, na perspectiva antirracista. Os músicos Vitor Martins e Gessé Paixão possibilitaram aos presentes pensar as masculinidades negras. Com berimbau, trompete e outros instrumentos eles expuseram a música instrumental e poesia falada. “Mostramos a ancestralidade e refletimos sobre a questão da negritude, na perspectiva do homem negro”, disse Gessé.

Comida de terreiro. O buffet “A cozinha e a cultura de terreiros” levou pratos coloridos e tradicionais como o caruru, abará, acarajé, abarô, farofa, entre outros, que são feitos de forma ritualística para serem servidos aos orixás. A comida nas religiões afro brasileiras, são específicas de cada Orixá, cujo preparo requer um verdadeiro ritual. Os participantes puderam degustar os pratos.

“O evento marca a nossa trajetória de luta e deixa em evidência que precisamos refundar a nação”, frisou a estudante do curso de Ciências Sociais, Jamile Novaes, que elogiou a atividade. 

Veja aqui fotos do evento

Fonte: Adufes

ANDES